Cuidados com a Placa Inversora para Esteiras Ergométricas

10/12/2015 - Dicas Ageon, Esteiras Ergométricas, Inversores de Frequência

Esteiras ergométricas

Esteiras ergométricas podem funcionar perfeitamente por muito tempo sem apresentar defeitos. Entretanto, para que isso aconteça é necessário tomar alguns cuidados durante sua utilização e também realizar as chamadas manutenções preventivas. Já falamos aqui no blog sobre o que é uma placa inversora para esteiras ergométricas e hoje vamos dar algumas dicas que podem aumentar a vida útil desse equipamento e da esteira como um todo.

 

Cuidados Básicos com Esteiras Ergométricas

Para que a esteira ergométrica funcione de maneira adequada é necessário se atentar a alguns cuidados básicos. Primeiramente, é importante se certificar das condições da rede elétrica (se é estável ou sujeita a flutuações frequentes) e se  o aterramento foi realizado (veja mais dicas sobre a instalação de esteiras ergométricas). Também é importante manter a lona sempre alinhada e bem lubrificada.

 

Acionamento da Esteira

Para aumentar a vida útil de sua esteira ergométrica recomenda-se que os usuários não pisem na lona no momento em que a esteira é ligada. É preciso mais força para acionar uma esteira com o peso do usuário sobre a lona. Isso exige mais do motor e gera um desgaste desnecessário que reduz a vida útil dos componentes.

 

Suor

É normal que usuários de esteiras ergométricas transpirem durante a prática dos exercícios, mas o suor pode causar muitos problemas nos equipamentos. Assim como a água, o suor oxida componentes eletrônicos presentes no painel e na placa inversora, podendo até mesmo inutilizar essas peças. Não há como evitar a transpiração dentro de uma academia, mas a solução para esse problema está no próximo item…

 

Limpeza

Manter o ambiente limpo é fundamental para aumentar a vida útil de qualquer equipamento. É importante limpar as esteiras ergométricas todos os dias, evitando que água, suor ou até mesmo partículas sólidas cheguem ao motor e à placa inversora. Esses resíduos podem causar curto-circuitos, superaquecimento e danificam os componentes da esteira.

 

Placa Inversora IEX70

Um fator determinante para o funcionamento correto da esteira é a placa inversora. Esse equipamento deve ser fabricado de acordo com as normas técnicas vigentes. Deve possuir componentes de qualidade e oferecer uma proteção para o motor. Por esse motivo, quando se trata de placa inversora para esteiras ergométricas o mais indicado é utilizar a linha IEX70 da Ageon, que possui diversas vantagens como alimentação bivolt, funcionamento em modo teclado, frequência ou serial, e muitas outros benefícios (saiba mais).

***

Você acha que essas dicas são úteis? Utiliza placas inversoras ou faz manutenção em esteiras ergométricas?

Deixe seu comentário abaixo.

Fique por dentro das novidades

Receba novidades dos assuntos do seu interesse diretamente no seu e-mail:

Comentários

Seja o primeiro a comentar o post "Cuidados com a Placa Inversora para Esteiras Ergométricas"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dicas sobre Inversores de Frequência
Tire suas dúvidas sobre inversores de frequência. Veja como configurar, como instalar e como aproveitar todos os recursos dos inversores de frequência. Confira outras postagens.