Inversores de Frequência | Blog Ageon Electronic Controls

Configuração básica do inversor de frequência IRX Pro em 5 passos

04/04/2018 - Climatizadores, Inversores de Frequência
Os inversores de frequência IRX Pro foram desenvolvidos especialmente para climatizadores evaporativos. Como possuem uma aplicação específica, suas funções são muito diferenciadas em relação aos inversores utilizados para automação, como você pode ver neste post. Outra característica desta linha é a facilidade de configuração. Hoje veremos como configurar as funções básicas dos inversores IRX Pro em apenas 5 passos.   Como ajustar os parâmetros do inversor IRX Pro? Antes de tudo é preciso compreender como ajustar os parâmetros do seu inversor. O processo é simples e pode ser feito diretamente pela IHM do produto: Pressione a tecla "SET" por 4 segundos, até que todos os leds da IHM se acendam. Solte a tecla "SET". O inversor exibirá a lista de parâmetros. Utilize as teclas "cima" e "baixo" para navegar entre os parâmetros. Pressione a tecla "SET" para selecionar o parâmetro que deseja alterar. Utilize as teclas "cima" e "baixo" para alterar seu valor. Confirme a alteração novamente com a tecla "SET". Para realizar a configuração do seu inversor IRX Pro é necessário que o parâmetro P00 (código de acesso) seja ajustado com o valor 28.   Passo 1: Molhar o painel do climatizador O parâmetro P34 é referente ao tempo em que somente a bomba d'água ficará acionada. Pode ser configurado de 1 a 240 minutos. Durante este tempo o painel evaporativo do climatizador é molhado e a ventilação fica desligada. Depois que o tempo configurado neste parâmetro é atingido, a ventilação é acionada. Para desativar esta função, basta ajustar o parâmetro P34 para OFF.   Passo 2: Secar o painel evaporativo Secar o painel evaporativo antes de desligar o climatizador evita o acúmulo de sujeira e reduz a proliferação de fungos e bactérias. É por isso que os inversores IRX Pro possuem o parâmetro P35, que mantém apenas a ventilação acionada por determinado período. Este período é configurável entre 1 e 240 minutos. Da mesma forma que o a função anterior, para desativar a secagem do painel ajuste P35 para OFF.   Passo 3: Frequência mínima e máxima A frequência é o que determina a velocidade de giro da hélice. Sendo assim, ao determinar a frequência mínima e máxima do inversor IRX Pro é possível definir, por consequência, a velocidade mínima e máxima da ventilação. O parâmetro P23 permite configurar a frequência mínima, enquanto o parâmetro P24 permite configurar a frequência máxima.   Passo 4: Sensor de nível O sensor de nível evita que a bomba seja acionada caso o reservatório esteja sem água. Por isso este dispositivo é de extrema importância para a proteção do equipamento. O parâmetro P85 permite configurar um tempo em que o sensor de nível deve permanecer aberto para que seja identificada a falta de água e, assim, a bomba não seja acionada. Dica: Existem duas formas de ligar o sensor de nível ao inversor IRX Pro. O recomendado é que seja utilizada a entrada digital 1. No entanto, caso o sensor seja ligado em série com a bomba, o parâmetro P85 deve ser ajustado para OFF.   Passo 5: Sentido de giro do ventilador Existem duas formas de alterar o sentido de giro da hélice ao se utilizar o inversor IRX Pro. A primeira delas é através da ligação elétrica do motor, invertendo a posição dos cabos U e V nos bornes do inversor. A segunda forma é muito mais simples: basta alterar o parâmetro P73. Caso este parâmetro esteja em 1 altere para 0 e vice-versa. Assim, o próprio inversor inverte o sentido de giro do motor, sem que seja necessário alterar a instalação do climatizador.   Veja como realizar a configuração avançada dos inversores IRX Pro no post Configuração avançada do inversor de frequência IRX Pro em 5 passos. *** Você conseguiu configurar seu inversor IRX Pro? Deixe sua crítica, comentário ou sugestão abaixo.

Ligando dois motores em um Inversor de Frequência

28/03/2018 - Dicas Ageon, Inversores de Frequência
Existe uma dúvida recorrente de quem precisa controlar a velocidade de motores trifásicos. Muitos clientes nos questionam sobre a possibilidade de acionar dois motores com um único inversor de frequência. Será que isso é realmente possível? A resposta é sim, mas com ressalvas. Neste post você irá descobrir a forma correta de realizar este tipo de instalação.   Sobre o Inversor de Frequência Os inversores de frequência são dispositivos capazes de controlar a velocidade de motores trifásicos. Se você não conhece inversores de frequência, temos um post com tudo o que você precisa saber sobre estes aparelhos. Em primeiro lugar, é importante citarmos que as informações citadas neste post são referentes aos inversores de frequência Ageon. Além disso, é necessário identificar algumas informações do inversor de frequência, como a corrente nominal, por exemplo.   Sobre os Motores Antes de prosseguir, certifique-se que os dois motores possuem a mesma potência e número de polos. Caso os motores sejam diferentes, o acionamento com um único inversor não permitirá o controle correto da velocidade. Também é necessário identificar o pico de corrente utilizada pelos motores junto ao fabricante.   Como ligar dois motores ou mais a um Inversor de Frequência? Para ligar os dois motores ou mais a um único inversor é necessário tomar algumas precauções. Listamos abaixo os principais cuidados para que você possa realizar esta ação com segurança e eficiência: A corrente nominal do inversor deve ser pelo menos 25% maior do que à soma das correntes dos motores. Cada motor deve possuir sua própria proteção térmica (um relé térmico, por exemplo). É recomendável que os motores fiquem próximos do inversor de frequência. Enquanto estas práticas forem seguidas, os motores podem ser acionados pelo inversor simultaneamente. Ambos os motores devem trabalhar sincronizados de acordo com os comandos enviados pelo inversor de frequência.   Quais as desvantagens deste método? Apesar de ser possível acionar mais de um motor por inversor de frequência, é importante ressaltar que este método possui algumas desvantagens em relação à utilização de um motor por inversor. No quesito proteção, por exemplo, o sistema se torna menos seguro. Isso ocorre porque cada inversor possui uma proteção de sobrecorrente, que desativa o aparelho caso a corrente ultrapasse determinado valor. Quando um inversor é ligado a dois motores a proteção de sobrecorrente só é acionada quando a soma das correntes de ambos fica acima do valor configurado. Caso apenas um dos motores apresente sobrecorrente, mas a soma das correntes continue abaixo do limite estabelecido, poderão ocorrer danos ao equipamento. Outra desvantagem deste método é em relação ao funcionamento do equipamento em caso de falhas nos motores. Caso um dos motores venha a falhar, o equipamento inteiro ficará ocioso, pois o inversor de frequência não irá acionar apenas o motor restante. A Ageon recomenda que a instalação dos seus produtos seja realizada por um profissional qualificado. Em caso de dúvidas, entre em contato com nosso suporte técnico pelo telefone (48) 3028-8878. *** O que você achou deste post? Você liga mais de um motor a cada inversor de frequência? Deixe seu comentário abaixo:

Função Auto-Reset dos inversores de frequência IRX Pro

16/11/2017 - Climatizadores, Dicas Ageon, Inversores de Frequência
Você sabe o que a função auto-reset dos inversores de frequência IRX Pro? Este recurso pode ser muito útil principalmente para técnicos e instaladores de climatizadores evaporativos. Neste post vamos esclarecer o que esta função e como ela deve ser utilizada.   O que é a função Auto-Reset? A função auto-reset determina como o inversor irá se comportar caso uma falha aconteça. Ela pode ser ajustada no parâmetro P53 dos inversores IRX Pro (verifique a versão do produto). Para compreender melhor esta função, imagine o seguinte exemplo: Um climatizador evaporativo possui um inversor de frequência IRX Pro e está funcionando perfeitamente. No entanto, uma oscilação na rede elétrica faz com que a tensão diminua, ativando a proteção do inversor. Neste momento o inversor irá desativar todas as suas saídas e apresentará uma mensagem no display indicando subtensão (E02). Qual seria a melhor forma de tratar esta falha? Será que o inversor deve reiniciar automaticamente ou de forma manual? A função auto-reset permite definir exatamente isso. De acordo com a opção definida nesta função, o inversor pode atuar de forma diferente. Veja abaixo quais são as opções: Reset manual Caso o parâmetro P53 seja configurado como "0", a função auto-reset estará desativada. Assim, no caso do exemplo acima, o inversor permaneceria apresentando a mensagem de falha até que fosse reiniciado manualmente pela tecla On/Off. Reinício automático (sem acionamento) Caso P53 seja ajustado para "1", o inversor de frequência exibirá a mensagem de falha por 1 minuto. Após este tempo, o inversor será reiniciado automaticamente e o display apresentará "rdy", indicando que está pronto para uso. Basta pressionar a tecla On/Off para que o aparelho volte ao seu funcionamento normal. Reinício automático (retorno ao estado anterior) Ao configurar o P53 com o valor "2", o inversor de frequência apresenta a mensagem de falha por 1 minuto. Após este tempo, o inversor é reiniciado e retorna ao estado anterior sem a necessidade de nenhum acionamento manual. Para evitar que o inversor ou mesmo o climatizador sejam danificados, ocorrem apenas 3 tentativas de reinício automático. Caso o erro persista após estas tentativas, o inversor irá apresentar a indicação de erro no display até que seja reiniciado manualmente.   Como ajustar a função auto-reset? Para ajustar esta função, basta acessar o parâmetro P53 do seu inversor de frequência IRX Pro. O vídeo abaixo demonstra esta configuração. *** O que você achou deste post? Foi útil? Deixe seu comentário abaixo.

Inversor de Frequência: tudo o que você precisa saber

26/10/2017 - Dicas Ageon, Inversores de Frequência
Se você possui alguma dúvida sobre inversor de frequência, este é o lugar certo. Neste post esclarecemos as principais perguntas sobres inversores, sua utilização e características. Ao longo do texto você verá: 1. O que é um inversor de frequência? 2. Pra que serve um inversor de frequência? 3. Onde inversores de frequência são utilizados? 4. Quais as vantagens de utilizar um inversor? 5. Qual o melhor inversor de frequência?   O que é um inversor de frequência? Um inversor de frequência (ou conversor de frequência) é um dispositivo eletrônico com a função principal de controlar a velocidade de um motor trifásico. Este controle é realizado através da variação da tensão e da frequência fornecidas ao motor. Pra que serve um inversor de frequência? Utilizar inversores de frequência permite que o motor funcione com velocidade variável. Quando um motor é energizado sem a utilização de um inversor, ele gira em velocidade máxima e fixa. Quando acionado por um inversor, a velocidade pode ser diminuída e elevada novamente, de acordo com a necessidade da aplicação. Os inversores de frequência permitem que a velocidade do motor varie sem a necessidade de meios mecânicos, como polias e redutores. Onde inversores de frequência são utilizados? As aplicações para inversores de frequência são diversas. No ramo industrial esses dispositivos são utilizados em diversos tipos de maquinários, como esteiras transportadoras, rotuladoras, entre outras. Porém existem também outras aplicações onde é necessário variar a velocidade de motores trifásicos. Esteiras ergométricas profissionais, por exemplo, costumam fazer uso de inversores para realizar a comunicação entre o painel e o motor. Climatizadores evaporativos também costumam utilizar inversores para controlar a velocidade do ventilador e gerenciar o acionamento da bomba de circulação. Quais as vantagens de utilizar um inversor? Além do controle de velocidade, os inversores de frequência apresentam diversas outras vantagens. A redução no consumo de economia de energia elétrica é um dos benefícios de utilizar um inversor. Outra característica destes aparelhos é que eles servem de proteção para o motor e aumentam a vida útil do sistema. Inversores de frequência também servem para automatizar processos, reduzindo o tempo necessário para a realização de algumas tarefas. Veja mais detalhes sobre as vantagens dos inversores de frequência. Qual o melhor inversor de frequência? Para escolher o melhor inversor de frequência é necessário conhecer sua aplicação. Existem diversos modelos no mercado, com diferentes características. É preciso identificar algumas características da aplicação para dimensionar corretamente o inversor. A potência e a corrente nominal do motor são duas informações essenciais para adquirir seu aparelho. Detalhes sobre a carga a ser acionada também são necessários, como a corrente de partida, por exemplo. Saiba mais sobre como escolher o inversor de frequência certo para sua aplicação. *** O que você achou deste artigo? Foi útil? Deixe seu comentário abaixo.

Ligação dos inversores IEX70 ao painel da Esteira Ergométrica

17/10/2017 - Esteiras Ergométricas, Inversores de Frequência
Os inversores de frequência IEX70 são o lançamento da Ageon para o mercado fitness. Esta linha foi desenvolvida especialmente para instalação em esteiras ergométricas. Por ser um inversor dedicado a esta aplicação, a configuração do modelo IEX70 é simples e rápida. Não é necessário ajustar parâmetros. Instalou, ligou. Além de possuírem alimentação bivolt (110V ou 220V), os inversores IEX70 possuem três modos de funcionamento: teclado, frequência ou serial. O modo de funcionamento é basicamente o tipo de comunicação entre o painel da esteira e o inversor. Cada esteira ergométrica possui um tipo de painel que foi desenvolvido para operar em um destes modos. Neste post você verá como ligar o inversor IEX70 aos principais tipos de painéis disponíveis no mercado.   Como ligar o inversor de frequência IEX70 ao painel da esteira ergométrica? Primeiramente é necessário identificar qual o modo de funcionamento do painel da esteira ergométrica. Esta informação pode ser obtida diretamente com o fabricante do painel. Em seguida é possível realizar a ligação elétrica e também a configuração da chave DIP. A alteração da chave DIP deve ser realizada com o inversor desligado. Reunimos abaixo as formas de ligação mais comuns do mercado. Atente-se à ligação entre o inversor e o painel e também ao jumper, que é necessário em alguns casos. O jumper é utilizado para realizar a alimentação do painel da esteira ergométrica. De acordo com a tensão de alimentação do painel (5V ou 12V), o jumper dever ser realizado de uma forma distinta. Confira no final do post como a ligação do jumper deve ser realizada. Modo Teclado A ligação do painel em modo teclado é realizada conforme a imagem abaixo. A conexão com o painel é feita através do terminal X3. Note que é necessário realizar um jumper entre os terminais X4 e X5. Quando o inversor IEX70 é utilizado em modo teclado, as chaves DIP 1 e 2 devem permanecer na posição OFF. As chaves DIP 3 e 4 são utilizadas para selecionar a frequência máxima da saída do inversor, de acordo com a relação de polias da esteira. Veja mais detalhes no manual técnico do produto. Modo Frequência Existem diferentes formas de realizar a ligação do inversor IEX70 a um painel em modo frequência. Abaixo estão alguns exemplos: Na imagem acima é possível notar que os terminais X4 e X5 não são utilizados. Não há necessidade de jumper para este tipo de painel. Basta ligar o painel ao terminal X3. Nesta outra imagem a ligação entre o inversor e o painel também é realizada através do terminal X3. Neste caso, porém, é necessário um jumper entre os terminais X4 e X5. Em ambos os casos o arranjo da chave DIP é o mesmo. As chaves 1, 3 e 4 devem permanecer na posição OFF. Apenas a chave 2 deve estar na posição ON. Modo Serial A ligação do inversor IEX70 a um painel em modo serial é realizada conforme a imagem abaixo. O cabo proveniente do painel é conectado aos três últimos contatos do terminal X3. Um jumper deve ser realizado entre os terminais X4 e X5. Para utilização em modo serial a chave DIP 1 deve permanecer na posição ON. As chaves 2, 3 e 4 devem ser ajustadas de acordo com a relação de polias da esteira, conforme o manual do produto. Sobre o Jumper Como citamos acima, existem algumas formas de ligação dos inversores IEX70 que exigem um jumper ligando os terminais X4 e X5. Esse jumper é utilizado para a alimentação do painel da esteira ergométrica. Quando necessário, o jumper pode ser de duas formas, dependendo da tensão de alimentação do painel. A maioria dos modelos de painéis possui alimentação de 5V ou 12V. Após identificar a tensão de alimentação do painel, altere o jumper conforme o manual. ATENÇÃO - A corrente máxima para alimentação do painel é de 100mA. A Ageon recomenda que a instalação de seus produtos seja feita por um profissional qualificado. Em caso de dúvidas, entre em contato com o suporte técnico pelo telefone (48) 3028-8878. *** Este post lhe ajudou a instalar o inversor IEX70 em uma esteira ergométrica? Você possui alguma dúvida sobre o produto? Deixe seu comentário abaixo.

Como configurar o inversor de frequência IRX Pro para Climatizadores?

11/10/2017 - Climatizadores, Inversores de Frequência, Vídeos
Os inversores de frequência IRX Pro foram desenvolvidos pela Ageon para aplicação diretamente em climatizadores evaporativos. Por esse motivo os inversores desta linha possuem funções específicas para esta aplicação, como Climatizar, Ventilar, Dreno, Swing, entre outras. Outra característica da linha IRX Pro é sua facilidade de utilização. Esses inversores podem ser acionados através de um controle remoto ou duas opções de IHM (sobrepor ou embutir). Ambas as opções possuem teclas de acesso facilitado às principais funções do inversor. Assista aos vídeos e saiba mais sobre a instalação e configuração dos inversores de frequência IRX Pro.   Como instalar o inversor de frequência IRX Pro para Climatizadores? No vídeo abaixo abaixo é demonstrada a instalação desses inversores. Produzimos este vídeo com o modelo IRX Pro de três relés. Este modelo possui saídas para bomba, dreno e swing ou lâmpada germicida. Devido ao seu módulo inversor com vedação, o produto pode ser instalado diretamente no interior do climatizador. Veja como o aparelho deve ser ligado ao motor, à bomba, ao dreno e ao swing ou lâmpada germicida. Também demonstramos como ligar o sensor de nível ao inversor, para proteção da bomba em caso de falta d'água. Como configurar o inversor de frequência IRX Pro para Climatizadores? Após realizar a ligação elétrica, o inversor estará pronto para a configuração. O ajuste dos parâmetros deve ser realizado através da IHM do produto. No vídeo a seguir citamos os principais parâmetros dos inversores de frequência IRX Pro. No vídeo utilizamos também o modelo de três saídas a relé. São demonstrados diversos parâmetros, como o retardo de molhar ou secar o painel, o timer cíclico da bomba, a frequência (velocidade) mínima e máxima, entre outros.   A Ageon informa que a instalação e configuração dos inversores de frequência deve ser realizada por um profissional qualificado. *** Você já conhecia os inversores de frequência IRX Pro para climatizadores? O que achou dos nossos vídeos? Deixe seu comentário abaixo.

IEX70 – O lançamento da Ageon para Esteiras Ergométricas

27/09/2017 - Esteiras Ergométricas, Inversores de Frequência
A Ageon participou da última IHRSA Fitness e apresentou uma grande novidade: os inversores de frequência linha IEX70. O principal diferencial deste produto é sua facilidade de instalação e configuração. Não é à toa que seu slogan é "Instalou, ligou".   O que é IEX70? IEX70 é uma linha de inversores de frequência desenvolvida especialmente para esteiras ergométricas. No ramo de fitness os inversores também são conhecidos como "placas inversoras". Os inversores de frequência, ou placas inversoras, são utilizados para variar a velocidade de motores de indução trifásicos. No ramo de fitness, os inversores são utilizados principalmente para controlar a velocidade de esteiras ergométricas. O painel da esteira envia um sinal ao inversor que, por sua vez, aciona o motor e eleva ou reduz sua velocidade.   Quais as vantagens dos inversores IEX70? Por ser desenvolvida especialmente para esteiras ergométricas, os inversores IEX70 apresentam diversas vantagens em relação a outros inversores do mercado. Facilidade de instalação e configuração Em primeiro lugar, sua instalação é muito fácil. Basta ligar o inversor à rede elétrica, ao motor e ao painel. A configuração é realizada de forma rápida através de uma chave DIP, sem a necessidade de ajuste de parâmetros. Basta definir a posição das chaves para selecionar o modo de funcionamento do inversor, como nos exemplos abaixo. Design exclusivo Os inversores IEX70 possuem design exclusivo e formato compacto. Seu gabinete de proteção impede a entrada de resíduos no inversor, aumentando a vida útil do equipamento. Teclas de comando manual Outra característica dos inversores IEX70 são as teclas de comando manual. Este modelo possui quatro teclas que permitem o teste do aparelho sem a necessidade de um painel. Isso facilita os testes em bancada, além do diagnóstico em caso de falhas no painel. LEDs indicativos Os inversores de frequência IEX70 possuem dois LEDs indicativos. O primeiro LED demonstra o status de funcionamento do inversor e é utilizado para identificar possíveis falhas. Já o segundo LED indica o status de funcionamento do motor. Alimentação bivolt A alimentação dos inversores IEX70 é bivolt, ou seja, podem ser utilizados em redes 110V ou 220V. A seleção da tensão desejada ocorre no momento da instalação elétrica, de acordo com a ligação realizada. Isso garante mais versatilidade ao produto, além de facilitar a manutenção do estoque nos distribuidores. Cooler de rolamento Os inversores de frequência IEX70 possuem coolers de rolamento para ventilação. A função principal deste dispositivo é evitar o superaquecimento da placa. Os coolers utilizados neste modelo são ativados somente quando o motor da esteira está acionado. Essa característica aumenta a vida útil dos coolers, e consequentemente do inversor de frequência. *** O que você achou dos inversores IEX70? Deixe sua crítica ou sugestão nos comentários abaixo.

Climatizador evaporativo funciona mesmo?

30/08/2017 - Climatizadores, Inversores de Frequência
Quando surge a necessidade de climatizar um ambiente, muitas pessoas questionam se um climatizador evaporativo realmente funciona. Por serem menos conhecidos que os sistemas de ar condicionado, é comum que hajam dúvidas sobre a eficiência dos climatizadores. A verdade é que o funcionamento de um climatizador é muito diferente de um aparelho de ar condicionado. Como citamos neste post, os climatizadores não utilizam fluido refrigerante e resfriam o ambiente através de um processo de umidificação. Isso reduz o consumo de energia e gera menos impacto ambiental, porém não atinge temperaturas tão baixas quanto aparelhos de ar condicionado. Antes de procurar o melhor climatizador do mercado, é importante conhecer seu funcionamento e identificar se ele atenderá sua necessidade.   Quando utilizar um Climatizador Evaporativo? Como os climatizadores resfriam o ambiente através de um processo de umidificação, sua maior eficiência ocorre em áreas quentes e secas. Quanto menor a umidade relativa do ar, maior será a redução de temperatura atingida pelo climatizador. Em alguns casos esta redução pode ultrapassar 10°C. Por esse motivo, regiões que alcançam baixos níveis de umidade relativa são mais indicadas para a instalação de um climatizador. Outro fator importante é em relação à circulação do ar. Diferente de aparelhos de ar condicionado, os climatizadores permitem a climatização em ambientes com portas ou janelas abertas. É o caso, por exemplo, de galpões industriais, academias, igrejas, entre outros. Estes ambientes costumam ter um grande fluxo de pessoas, o que impossibilita que permaneçam com portas sempre fechadas. Além disso os climatizadores trazem benefícios à saúde, pois proporcionam a renovação do ar e reduzem a chance de problemas respiratórios. Na prática, os climatizadores evaporativos realmente funcionam. Eles podem reduzir consideravelmente a temperatura de um ambiente e contribuir para o bem-estar das pessoas. No entanto é importante se atentar ao ambiente onde este climatizador será instalado. Entre em contato com um fabricante de climatizadores, apresente sua necessidade e descubra se um climatizador é a saída mais indicada para o seu problema de climatização.   Ageon e o mercado de Climatizadores A Ageon possui inversores de frequência destinados especialmente para climatizadores evaporativos. Os inversores IRX Pro possuem controle remoto e duas opções de IHM. Com eles é possível controlar todas as funções do climatizador, como o acionamento da bomba, o dreno, o swing, entre outras funções. Tudo isso de uma forma prática, facilitando tanto sua instalação pelo fabricante quanto sua utilização pelo usuário final. *** O que você achou deste artigo? Deixe sua crítica, dúvida ou sugestão abaixo.

Qual o melhor climatizador evaporativo do mercado?

02/08/2017 - Climatizadores, Dicas Ageon, Inversores de Frequência
A resposta para esta pergunta não é simples. São diversos fabricantes no Brasil e cada um deles possui um projeto diferente. Além disso, cada necessidade pode requerer um tipo de climatizador diferente. Para ajudar a identificar o melhor climatizador evaporativo para você, reunimos alguns aspectos que devem ser considerados antes da compra.   Qual a área a ser climatizada? Antes de adquirir um climatizador é preciso identificar a área onde o aparelho será instalado. Cada modelo de climatizador é projetado para ambientes de diferentes áreas. A capacidade do climatizador deve ser compatível com a área a ser climatizada. Se um climatizador é projetado para áreas de até 50m², por exemplo, ele não será eficiente para áreas maiores.   Quão silencioso é o climatizador evaporativo? Existem climatizadores com diferentes níveis de ruído. Em algumas situações não é necessário que o climatizador seja silencioso, mas em outras este é um requisito essencial. Em uma indústria, por exemplo, muitas vezes o ruído não é um problema. Já em salas comerciais os climatizadores devem ser silenciosos. Por isso é importante identificar se os níveis de ruído do climatizador são adequados ao ambiente onde o mesmo será instalado.   É fácil de utilizar? A utilização de um climatizador evaporativo vai variar de acordo com os recursos presentes em cada modelo. Existem climatizadores em que o usuário define apenas a velocidade do ventilador e o modo de funcionamento (climatizar ou ventilar). Existem outros modelos com funções como swing, dreno, timer, entre outras. É importante avaliar qual a sua necessidade e o que você espera de um climatizador. Verifique quais funções você precisa em seu climatizador e selecione um modelo que atenda a esses requisitos. Para mais detalhes sobre as principais funções de um climatizador, acesse este post.   É produzido com materiais de qualidade? Os principais componentes de um climatizador evaporativo são basicamente o motor, a hélice, a bomba e o inversor de frequência. O motor e a hélice são responsáveis pela ventilação, enquanto a bomba é utilizada para umidificar o painel evaporativo. O inversor de frequência realiza toda a automação do climatizador, acionando o motor, a bomba e demais funções. Antes de adquirir um climatizador evaporativo, certifique-se que seus componentes sejam de qualidade. Dessa forma você evita problemas futuros com manutenções ou mal funcionamento.   Bônus - Inversores de Frequência Ageon Como citado anteriormente, os inversores de frequência são responsáveis pela automação de um climatizador evaporativo. Ou seja, é o inversor que aciona o motor e permite a variação da velocidade do ventilador. Também é o inversor que permite o acionamento da bomba através de uma temporização, para economia de energia. Em alguns casos, o inversor de frequência ainda aciona outras funções, como swing, dreno, exaustão, entre outras. Se você precisa de um climatizador de qualidade e fácil de utilizar, certifique-se de que o inversor de frequência é Ageon. Nossos inversores de frequência são produzidos no Brasil e são destinados especialmente para climatizadores. Possuem controle remoto e IHM com teclas que permitem o controle total do aparelho de forma prática. *** Este post foi útil? Deixe seu comentário abaixo.

Como controlar a velocidade de um motor trifásico?

19/07/2017 - Dicas Ageon, Inversores de Frequência
Existem situações onde a velocidade de um motor trifásico precisa ser controlada. Muitas vezes a velocidade do motor trabalhando em potência máxima fica acima do necessário. Em outros casos, é preciso que o motor trabalhe em uma velocidade variável, ou seja, mais rápido em uma situação e mais lento em outra. Existem diversas soluções para estes casos. Entre as principais soluções disponíveis no mercado, estão os inversores de frequência e os redutores.   Qual a melhor solução para controlar a velocidade de um motor trifásico? Para esclarecermos as diferenças entre as soluções disponíveis, vamos utilizar o exemplo abaixo: Imagine uma esteira transportadora que precisa se mover sempre a uma velocidade exata. Para mover esta esteira, foi instalado um motor trifásico de 3400rpm.  No entanto, verificou-se que esta velocidade está muito alta, prejudicando o funcionamento do equipamento. É necessário que o motor atinja uma velocidade máxima de 1700rpm. Para resolver este problema existem algumas opções. Uma delas é a utilização de um redutor. Como o nome sugere, os redutores servem para reduzir a velocidade de um motor através de um processo mecânico. Grosso modo, os redutores possuem um eixo de entrada, um conjunto de engrenagens e um eixo de saída. O motor é acoplado no eixo de entrada e, como as engrenagens possuem diferentes tamanhos, a rotação do eixo de saída é menor do que a apresentada pelo motor. Outra solução é a utilização de um inversor de frequência. Inversores de frequência são dispositivos eletrônicos que permitem a variação da velocidade de motores de indução trifásicos. Eles são instalados entre o motor e a rede elétrica. Existem muitas diferenças entre um inversor de frequência e um redutor. É importante se atentar às vantagens de cada uma dessas opções antes de optar por uma ou outra solução. Velocidade fixa x Velocidade variável A principal diferença entre um inversor e um redutor é a a variação de velocidade. Ao utilizar um redutor, a velocidade do eixo de saída será menor que a do motor, porém esta velocidade será sempre fixa. Um redutor é produzido para reduzir a velocidade do motor em uma proporção definida. Assim, existem inversores de 1/2 (reduzem a velocidade pela metade), 1/8, 1/16 e muitos outros. Já os inversores de frequência permitem a variação de velocidade. Isso significa que em um momento o motor pode trabalhar em velocidade máxima, e em outros momentos pode trabalhar em velocidades mais baixas. Geralmente os inversores possuem teclas que facilitam o controle da velocidade do motor. Em alguns casos ainda contam com potenciômetros que facilitam ainda mais este controle. Partida brusca x Partida suave Outra diferença importante entre os inversores de frequência e os redutores é a partida. Quando um motor trifásico é acionado, ele irá partir diretamente para sua velocidade máxima. Isso gera acionamentos bruscos, que podem danificar os equipamentos ligados ao motor. Quando se utiliza um redutor, os acionamentos continuam sendo bruscos, pois não há nenhum tipo de proteção quanto a isso.Já ao utilizar os inversores de frequência, podem ser utilizadas rampas de aceleração. As rampas de aceleração permitem configurar quanto tempo o motor irá levar para atingir a velocidade desejada. Isso garante uma partida muito mais suave, evitando desgastes no equipamento. Economia de energia Quando um motor é acoplado a um redutor, ele continua a trabalhar em sua velocidade máxima. É somente no eixo de saída do redutor que a redução de velocidade pode ser percebida. Isso significa que o motor continua gastando a mesma energia que gastaria ao trabalhar em sua velocidade máxima. Com a utilização de um inversor de frequência a situação muda. Como é instalado entre a rede e o motor, o inversor faz com que o consumo de energia do motor seja proporcional à sua velocidade. Quanto menor a velocidade do motor, menor será o consumo de energia elétrica.   Inversores de Frequência Ageon Se você precisa controlar a velocidade de um motor trifásico e necessita de velocidade variável, acionamentos suaves ou deseja economizar energia, conheça os inversores de frequência Ageon. São diversos modelos de inversores distribuídos em diferentes formatos, desde aplicações mais simples até aplicações mais complexas, como os inversores da Série XF e da Série YF. Também oferecemos inversores dedicados a aplicações específicas. É o caso da Série IEX70, composta de inversores de frequência desenvolvidos especialmente para esteiras ergométricas. Outro exemplo é a linha IRX Pro, destinada para climatizadores evaporativos. Saiba mais sobre os inversores de frequência Ageon acessando nosso site. *** Você utiliza um inversor de frequência ou um redutor para reduzir a velocidade de um motor trifásico? O que achou deste post?